Gols, Juventude 1 x 3 Internacional – Amistoso 19/01/2015

Curtam nossa página: http://www.facebook.com/LeandroSportsVideos

EM AMISTOSO “QUENTE”, INTER VENCE JUVENTUDE EM TESTE DA PRÉ-TEMPORADA
Nilmar, Winck e Alan Costa marcaram para o Inter, e Zulu descontou para o Juventude.

Amistoso, só no nome. O clima foi de jogo quente entre Juventude e Inter no Alfredo Jaconi na tarde desta segunda-feira. No primeiro teste colorado na pré-temporada na Serra, os comandados de Diego Aguirre venceram por 3 a 1. Na etapa inicial, com titulares, Nilmar anotou o gol. No segundo tempo, o time inteiro foi substituído. Cláudio Winck, de falta, e Alan Costa anotaram os seus, enquanto Zulu descontou para os donos da casa.

O estádio não lotou, mas as torcidas fizeram muito barulho. Nas arquibancadas, apenas separados por duas grades, colorados e alviverdes se provocavam a todo o instante. Em campo, lances que remetiam a um verdadeiro jogo valendo pontos. Algumas disputas mais ríspidas ocorreram. D’Alessandro chegou a discutir com um dos assistentes antes da cobrança de uma falta e teve empurra-empurra após Aranguiz cair no gramado em uma dividida, e reclamar. Outros jogadores se juntaram ao “bolo” e a arbitragem se aproximou para acalmar os ânimos.
O time que começou o jogo foi aquele treinado por Aguirre na véspera do amistoso, com Alisson; Léo, Ernando, Paulão e Fabrício; Willians, Nilton, Aránguiz e Alex; D’Alessandro; Nilmar. Passados pouco mais de 30 minutos do primeiro tempo, Alisson Farias entrou no lugar de Willians, que no começo do amistoso sentiu dores. Assim, Aranguiz recuou para o lado de Nilton.

Na primeira metade da partida, poucos lances ofensivos. Zulu arriscou para o Ju da entrada da área, para fora. Ernando, D’Alessandro – duas vezes, na segunda em uma tentativa por cobertura – e Nilton, com chute forte, ficaram no quase. O gol saiu aos 41 minutos, quando Nilmar, dentro da área, aproveitou uma falha da defesa e completou.
Na volta do intervalo, Aguirre cumpriu com o que havia anunciado: trocou o time inteiro. Entraram em campo para os 45 minutos finais Muriel, Winck, Ygor, Alan Costa e Alan Ruschel; Rodrigo Dourado, Bertotto, Taiberson, Valdívia e Sasha; Rafael Moura. Aos poucos, novas substituições foram sendo feitas. A equipe dona da casa também sofreu alterações no decorrer do segundo tempo.

Mais leve e jovem, a equipe vermelha logo tratou de criar oportunidades. Primeiro Valdívia deixou Taiberson livre na grande área para desperdiçar chute. Logo depois, Sasha arrancou em velocidade pela esquerda e bateu nas redes, mas pelo lado de fora. Aos 11 minutos, Winck ampliou para o Inter, em cobrança de falta. A bola bateu na barreira, pegou um pouco de altura e entrou no gol.
A leveza do Inter, porém, não tornou-se sinônimo de segurança defensiva. O Ju cresceu na base dos cruzamentos e lançamentos em profundidade. Em uma dessas bolas esticadas, a zaga colorada falhou na linha de impedimento e a bola acabou limpa para Zulu descontar.
E teve mais gol. Para fechar o placar, Alan Costa fez o terceiro dos colorados em bola levantada na área após cobrança de falta. Também teve mais confusão. Antes do apito final, Winck e Helder se estranharam em uma jogada na linha lateral, trocaram empurrões e foram expulsos pelo árbitro.
Autor do primeiro gol colorado, Nilmar avaliou o desempenho da equipe e disse entender que ainda há muita coisa a ser melhorada. Também comentou sobre o clima pegado do jogo.
– Sabemos que a rivalidade é grande, é um bom teste. Claro que temos a melhorar. Foi um bom treinamento.
O confronto encerra oficialmente a pré-temporada do Inter. A partir de então, o time se prepara para o confronto contra o Shakhtar Donetsk, que será realizado na sexta-feira, no Beira-Rio.

Compartilhe Agora!

Recomendados Para Você:

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Transforme seu Lazer em Algo LucrativoSaiba Mais >>