Campeonato Carioca | Nova Iguaçu 0 x 4 Flamengo

Curtam nossa página: http://www.facebook.com/LeandroSportsVideos

Flamengo atropela Nova Iguaçu com gols de Guerrero e Mancuello
Argentino brilha e marca golaço em chute no ângulo. O peruano fez seu quarto gol em três jogos no Carioca. Time praticamente garante a vaga na semifinal da Taça GB.
SEM SUSTOS
Mesmo sem alguns titulares, o Flamengo não teve dificuldades para passar pelo Nova Iguaçu, neste sábado, em Moça Bonita. A vitória por 4 a 0 praticamente assegura a classificação rubro-negra para a semifinal da Taça Guanabara. O primeiro gol foi de Mancuello, após uma bela jogada entre Adryan e Trauco, e de uma furada de Guerrero na área. O segundo foi do atacante peruano, após jogada de Márcio Araújo e Pará. O terceiro foi um golaço, outro de Mancuello, em chute da intermediária no ângulo. Guerrero fechou o placar em cobrança de pênalti sofrido por Leandro Damião. Foi o quarto gol de Guerrero em três jogos no Campeonato Carioca.
1º TEMPO
O Flamengo, mesmo sem os titulares Rômulo e Diego, poupados, e Éverton, suspenso, começou dominando as ações desde os primeiros minutos. Aos três, Marcio Araújo apareceu sozinho na entrada da área e foi derrubado por trás por Rafael Azevedo – que levou cartão. A falta, praticamente em cima da linha da área, foi muito mal cobrada por Rafael Vaz. Aos 11, Rever quase fez de cabeça, mas a bola desviou na zaga e foi pela linha de fundo.

Sem ser ameaçado pelo Nova Iguaçu, o Flamengo não demorou para abrir o placar. Aos 19, Adryan deu um lindo passe para Trauco. Ele cruzou rasteiro, Guerrero furou e Mancuello mandou para a rede: 1 a 0. Em escanteio aos 22, por pouco Rafael Vaz não amplia de cabeça. O jogo ficou morno, e os rubro-negros voltaram a atacar nos minutos finais. Logo saiu o segundo. Márcio Araújo lançou Pará, que achou Guerrero sozinho: 2 a 0.
2º TEMPO
O Nova Iguaçu tentou mostrar um maior ímpeto no início da segunda etapa, mas o domínio continuava a ser rubro-negro. A primeira boa jogada foi de Gabriel, aos oito, em arrancada pela esquerda. Mas a finalização foi ruim. Aos 10, outra boa jogada de Adryan, e Guerrero não alcançou. Era questão de tempo. E foi pouco. Um minuto depois, Mancuello teve espaço no meio, soltou a bomba e acertou o ângulo: 3 a 0. Aos 17, após lance confuso na área, Mancuello, de novo, bateu firme e exigiu uma bela defesa de Jefferson.

Zé Ricardo então tirou Arão para a entrada de Cuellar. Com o jogo praticamente resolvido, o Flamengo diminuiu o ritmo no ataque, e o jogo perdeu em emoção. Damião entrou no lugar de Gabriel, demonstrando que o técnico queria que o time continuasse na frente. Deu certo. Aos 29, em tabela com Cirino, com direito a belo toque de calcanhar, Damião logo em sua primeira jogada foi derrubado na área. Pênalti que Guerrero cobrou: 4 a 0.

Compartilhe Agora!

Recomendados Para Você:

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Transforme seu Lazer em Algo LucrativoSaiba Mais >>